27/06/2017 às 17h38min - Atualizada em 27/06/2017 às 17h38min

Rede Celpa é campeã de denúncias em Canaã dos Carajás

Usuários reclamam do atendimento ao cliente na unidade local

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Menos de uma semana após o 1º Fórum de Energia realizado em Canaã dos Carajás, as denúncias contra o atendimento precário da concessionária de energia local atingem índices alarmantes. Com mais de 40 mil usuários do serviço de energia na cidade e o horário de atendimento restrito ao período matutino, o acúmulo de reclamações e problemas causam transtornos a quem necessita do serviço. Uma alternativa para o transtorno do horário e o acúmulo dos problemas seria uma orientação mais proativa e interessada dos funcionários locais, no entanto, a realidade é bem diferente e o que se vê, a cada dia, é a piora na situação.
 
“Cheguei à unidade local da Celpa por volta das 9:15 da manhã e, por volta do meio dia, a senha em atendimento era a de 84 e a minha era a de 103” reclamou uma usuária, que procurou a reportagem do Jornal In Foco nesta segunda-feira, 26, e que preferiu não se identificar. “Tem uma que é gerente, perguntei a ela se é de praxe uma demora de 3 horas no atendimento e, ainda, com mais de 20 pessoas na frente e apenas uma atendente. Ela me respondeu que uma atendente estava de atestado, que as coisas eram daquele jeito mesmo e que não podia fazer nada. Ao invés de ajudar no atendimento, ela fica lá dentro somente imprimindo 2ª via de boleto” disse a usuária.
 
Casos como o desta usuária, infelizmente, são corriqueiros no município. A Rede Celpa tem sido, ao longo dos anos, uma das campeãs em denúncias de mau atendimento em todo o estado do Pará. E, por ser dona da concessão da distribuição de energia, as denúncias e as demandas por melhoras parecem não ser ouvidas pela empresa.
 
A gerente da unidade local foi procurada pela reportagem para responder à denúncia. Segundo ela, no entanto, os funcionários são proibidos de conceder entrevistas e não quis falar nada sobre as denúncias sofridas pelas entidade.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »