Jornal In Foco Publicidade 1200x90
05/07/2024 às 12h16min - Atualizada em 05/07/2024 às 12h16min

GOL anuncia expansão da quantidade de voos em 4 aeroportos no estado do Pará

A expansão das frequências favorece as quatro bases da Companhia no segundo semestre de 2024: Belém, Parauapebas/Carajás, Marabá e Santarém.

A GOL Linhas Aéreas anunciou hoje uma expansão da oferta de voos, para o terceiro trimestre deste ano (julho a setembro), em suas bases localizadas do Pará: Belém, Carajás, Marabá e Santarém.

Em julho, durante a alta temporada de inverno, o aumento de frequências no Estado chega a 50%, em comparação com abril de 2024. Mas os investimentos da GOL para ampliar a malha aérea no Pará e em todo o Brasil não se restringem ao mês de férias.

Em agosto e setembro, por exemplo, o incremento da oferta de pousos e decolagens no Estado atinge, respectivamente, 40% e 30%, ou uma média de 37%, na comparação do terceiro com o segundo trimestre de 2024.

A companhia aérea destaca as seguintes ampliação em sua malha aérea nas quatro bases paraenses:

Belém (BEL): 50% de aumento na oferta de voos no mês de julho. Os voos diretos para o Rio de Janeiro/RIOgaleão (GIG) passam de 2 semanais para 7, tornando-se diários. Já para São Paulo/Guarulhos (GRU), as atuais 8 partidas por semana sobem para 12. Para Macapá (MCP), as operações da Companhia serão 11 semanais, contra as 6 anteriores. E, por fim, rumo a Santarém, as 4 saídas semanais hoje vigentes saltam para 9 em julho.

Parauapebas/Carajás (CKS): em 1º de junho, a GOL dobrou a oferta de voos com destino a Belo Horizonte/Confins (CNF), de 2 (às terças e quintas-feiras) para 4 semanais (incluindo a segunda e a sexta-feira). A nova frequência, com partidas no início e no final da semana, visam atender a demanda acentuada nos dias de pico das viagens corporativas.

Marabá (MAB): no Aeroporto João Corrêa da Rocha, a Companhia mais do que dobra a oferta de voos, de 3 para 7 partidas semanais para Brasília (BSB).

Santarém (STM): ampliação de 70% na oferta de pousos e decolagens. Para Belém, serão acrescidas 5 operações semanais, de 4 para 9, e, para Manaus (MAO), 1 partida a mais semanal, de 6 para 7 voos.

“A GOL opera no Pará uma malha aérea consistente, disponibilizando aos paraenses opções para se deslocar dentro do próprio estado, entre estados da região Norte, para a capital federal, para importantes capitais do Sudeste e, ainda, para o exterior, como no caso de Paramaribo, no Suriname. O aumento da oferta de voos a partir de julho e no segundo semestre, nas quatro bases paraenses da Companhia, é um reflexo dos investimentos da GOL em um estado de importância vital para a região Norte e para o País, e uma resposta à acolhida de nossos Clientes, que, a partir da alta temporada de inverno, poderão voar com ainda mais opções e comodidade”, afirma Bruno Balan, gerente de Planejamento de Malha Aérea da GOL.

O ministro do Turismo, Celso Sabino, elogia a iniciativa da GOL e ressalta que a ação se soma aos esforços pelo aumento da conectividade aérea nacional e do fluxo turístico no País.

“Esse é mais um resultado do diálogo próximo e da união de forças entre o Governo Federal e o setor aéreo, com reflexos extremamente positivos no sentido de proporcionar aos viajantes novas opções de voos ligando importantes destinos brasileiros. Destinos estes que também se beneficiam de uma maior movimentação econômica por meio do turismo, favorecendo a geração de mais empregos e renda à população local”, enfatiza Sabino.

“Conheça o Brasil: Voando”: de início, o Pará

Em fevereiro deste ano, a GOL foi a primeira Companhia Aérea brasileira a apresentar uma aeronave temática como parte da iniciativa “Conheça o Brasil: Voando”. O Boeing 737 MAX da GOL traz, na lateral externa, os traços do legendário Mercado Ver o Peso, de Belém, como uma forma de homenagear o estado do Pará e divulgar os destinos da região Norte do País.

Idealizada pelo Ministério do Turismo, em parceria com o Ministério de Portos e Aeroportos e a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), a iniciativa “Conheça o Brasil: Voando” visa reunir esforços do Governo Federal e da iniciativa privada para desenvolver ações voltadas ao estímulo às viagens no Brasil, à democratização do acesso, à aviação civil e à redução do custo operacional das empresas aéreas.

Informações da GOL Linhas Aéreas


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Jornal In Foco Publicidade 1200x90