14/02/2018 às 13h10min - Atualizada em 14/02/2018 às 13h10min

Para todas as idades: 1º Zumba Folia promove saúde e alegria através da música e da dança

Passando por vários estilos musicais, Zumba Folia faz parte do projeto Viva Mais, da Funcel. Projeto existe desde 2017 e já conta com quase 200 pessoas inscritas

- Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
Os quatro dias de carnaval em Canaã dos Carajás aconteceram de uma forma diferente para mais de 150 mulheres do Projeto Viva Mais. Ao longo dos dias de festividade, a mulherada deixou de lado os shows no Bosque Gonzaguinha e se concentrou no 1º Zumba Folia de Canaã, que aconteceu no Ginásio Antônio Chorão. Atentas aos passos do professor André Chocolate, as mulheres, de todas as idades, mostraram disposição e bastante disciplina.
 
A mistura de ritmos alegrou a multidão de mulheres. Para o professor André, o projeto é um sucesso: “O Viver Mais está ultrapassando barreiras e para mim é um grande prazer estar aqui. Eu me sinto realizado com esse trabalho, não só pela zumba, mas o exercício, a atividade física, o bem estar que ele traz é muito prazeroso para o profissional. O projeto não acontece só por acontecer. Há todo o cuidado com as alunas, o acompanhamento. Agora mesmo faremos todo o balanço de peso, altura para saber como elas estão e damos as dicas de como se alimentar melhor.”


 
A zumba gratuita para a comunidade foi uma ideia do próprio André. Formado em educação física e credenciado para a dança, o professor levou a proposta até a Funcel e a causa foi abraçada pela autarquia. O projeto, que começou pequeno, ganhou forma e hoje tem cerca de 170 alunas inscritas e participando das atividades.
 
Dona Terezinha, que já está dançando há três meses no projeto, é a prova viva de que o programa é democrático e envolve todas as idades. Ela conta que a sua vida mudou após o acesso às atividades: “Está sendo ótimo. Estou perdendo peso, ganhando disposição e as dores estão acabando. Eu tinha muitas dores e vivia a base de remédio. Agora chega de remédio! Quero fazer a zumba por muito tempo.”


 
Jander Fonteles, diretor-presidente da Funcel, comentou o projeto: “A zumba existe desde o ano passado, mas não era oficial. Assim que assumi a pasta, havia a cobrança do professor Chocolate para que a gente colocasse na programação oficial da Funcel. Foi aí que lançamos o Viver Mais para dar oportunidade de se exercitar às mulheres que não têm condições de pagar academia. Hoje nós temos uma boa estrutura para as atividades. O corpo das mulheres melhora, o estresse acaba e os benefícios são muitos. Esse projeto vai crescer ainda mais, queremos levar para as vilas e tenho certeza que vai ser um sucesso ainda maior.”
 
Sem perder o ritmo, a mulherada aproveitou a folia com a coreografia proposta por Chocolate. As inscrições para o Viver Mais continuam abertas e qualquer pessoa, de qualquer idade, pode participar, basta procurar a Funcel e fazer a sua inscrição.
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »