24/09/2017 às 14h13min - Atualizada em 24/09/2017 às 14h13min

Círio de Nazaré 2017 leva 10 mil pessoas em procissão pelas ruas de Canaã dos Carajás

A terceira edição supera todas as expectativas e se torna a maior da história do evento na terra prometida

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
Não há palavras para se descrever a emoção do Círio de Nazaré. Um mar de fé tomou conta das ruas de Canaã dos Carajás e trouxe consigo a anunciação da presença da Virgem Maria no coração de todos os fiéis. O Círio de Nazaré é a maior festa religiosa do planeta e a filial canaense da celebração não decepcionou e superou todas as expectativas de público. De acordo com a Polícia Militar, 10 mil pessoas seguiram a procissão em homenagem à Santa. O cortejo, que saiu da Paróquia de São Mateus, passou pelos bairros Novo Horizonte, João Pintinho e Centro. As ruas ficaram cheias de um colorido intenso, almas agradecidas e ansiosas pelas bênçãos da padroeira dos paraenses.


 
Antes da partida, ainda na Paróquia de São Mateus, um farto café da manhã foi servido aos Guardas da Santa. O diácono Miguel orientou toda a Guarda quanto aos principais objetivos da procissão, a importância da fé em Cristo e ainda sobre o amor ao próximo: “Nosso coração deve estar impregnado de bondade e de amor. Que todos nós possamos ser como as pétalas de flor que enfeitam a berlinda de Nossa Senhora.” Mais de 110 Guardas ouviram as palavras do líder religioso.


 
Aos poucos, a multidão foi se aglomerando em frente à Paróquia. Uma missa foi realizada e nela o bispo Dom Vital, de Marabá, pediu as bênçãos de Deus e de Maria para a procissão. O bispo falou sobre o Círio local: “O evento à Nossa Senhora de Nazaré de Canaã dos Carajás está aumentando cada vez mais. Desde a primeira edição que nós estivemos aqui, o ano passado e agora a gente vê a corrida desse povo de Deus em relação ao Círio. Este ano está sendo mais organizado, está indo mais a todas as instituições... Essa é uma homenagem que fazemos à Nossa Senhora. Nós não a adoramos, nós a veneramos e adoramos a Jesus Cristo, por isso estamos aqui todos em unidade e festa. A festa de Canaã dos Carajás e de todo o povo católico.”


 
Por volta das oito da manhã, o padre Peterson anunciou o início da procissão. Milhares de fiéis já se aglomeravam de maneira emocionante na corda puxada pelos Guardas da Santa e fixada na berlinda que abrigava a imagem da Virgem. Nossa reportagem acompanhou toda a procissão a pé e pôde ver de perto algumas histórias, como a da devota Cláudia Bonfim, que levava sob a cabeça a maquete de uma casa simbolizando a conquista da sua residência. Cláudia também agradecia à Santa pelo fato de ela ter intercedido junto à Jesus pela limpeza do poço de sua casa, fornecendo, assim, água de qualidade para toda a sua família.


 
Em meio à multidão, alguns rostos conhecidos da população canaense, como a vereadora Maria Pereira que falou à reportagem sobre o momento de fé que vivia: “O Círio é a presença de Maria em nosso meio, pois a sociedade parece estar acabando a fonte a cada dia. Nossa Senhora é a Mãe da Evangelização e para nós, católicos, esse é o momento da presença da Santa em nosso município. Ela é a Nossa Mãe e intercede por nós, precisamos aumentar a nossa fé a cada dia.”


 
Ao longo do caminho, algumas avenidas movimentadas pararam para assistir à procissão, entre elas a Pioneiros, a Bernardo Saião e a Weyne Cavalcante. Vários empresários locais fizeram homenagens na frente dos seus estabelecimentos para a Rainha da Amazônia. A juventude da Igreja Católica se reuniu para fazer a coleta de fundos para o custeamento do evento. Já a Guarda, teve trabalho destacado no recolhimento do lixo deixado para trás e também pelo primoroso trabalho no deslocamento da procissão.


 
Quem também esteve no meio da multidão, renovando a sua fé, foi o comandante da Polícia Militar em Canaã dos Carajás, tenente Guimarães. Acompanhado de sua esposa, o comandante seguiu a pé o cortejo e falou sobre o momento: “A gente percebe que a cidade fica paralisada com a passagem do Círio. Canaã vem recebendo também as bênçãos de Nossa Senhora, não tem como não se emocionar ao ver uma fé dessas e a gente vem sempre se renovando. Não pude ir à Belém, mas estou aqui fazendo a minha homenagem à Maria.”


 
Uma belíssima queima de fogos recepcionou a imagem da Santa na chegada à Paróquia São Pedro e São Paulo. Os fiéis, apesar de extenuados por conta do cortejo, oravam em alto e bom som em louvor de Maria. A multidão entrou na igreja e ainda acompanhou com amor e devoção a missa final da maior festa religiosa do mundo.


 
Com público recorde, o Círio de Nazaré de 2017 se confirmou como o maior da história de Canaã dos Carajás. Durante todo o mês de setembro, a fé do canaense foi renovada por todos os eventos que compuseram a festa. A Igreja local promoveu uma festa primorosa e sem precedentes na história do município.
 
O Jornal In Foco fez a maior cobertura que um veículo de comunicação já fez em toda a história do evento na cidade. A mensagem de paz, fé e esperança de Maria fica agora no coração de quem parou para vê-la passar e o desejo de todos é que essa mensagem se perpetue por todos os anos e ecoe por toda a eternidade. A fé se renova e a contagem regressiva para um novo Círio já começa na comunidade católica. O evento mal acabou e já deixa saudades.


 
As palavras do Diácono Miguel agora valem para todos nós: “Que sejamos todos como as pétalas que enfeitaram a berlinda de Nossa Senhora de Nazaré.”






Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »