14/07/2022 às 17h01min - Atualizada em 14/07/2022 às 17h01min

Ameaça de bomba na Embaixada da Rússia mobiliza forças de segurança

Após varredura, ainda não há informações sobre liberação da área

Agência Brasil

Uma ameaça de bomba na Embaixada da Rússia, no Setor de Embaixadas Sul da capital federal, movimentou o Corpo de Bombeiros e as polícias Civil e Militar, no fim da manhã desta quinta-feira (14). Segundo o Corpo de Bombeiros, mais cedo, a segurança da embaixada recebeu uma ligação telefônica em que uma pessoa ameaçava explodir o local com uma bomba. Os agentes de segurança foram chamados e realizaram uma varredura na área da embaixada.

A operação foi batizada de Petardo, em referência ao um objeto encontrado na embaixada. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar cercou o local e solicitou aumento do perímetro de segurança. O trânsito nas vias próximas foi interditado.

O esquadrão antibombas examinou uma encomenda deixada na sede da representação diplomática. Como procedimento de segurança, o pacote foi detonado. Cinco viaturas do Corpo de Bombeiros e uma para o monitoramento de produtos perigosos, como artefatos tóxicos e químicos, também estão no local.

Ainda não há informações sobre a liberação da embaixada da Rússia.

A Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro. Nesta quinta-feira, mísseis russos atingiram a cidade ucraniana de Vinnytsia, em um ataque que autoridades locais disseram ter deixado pelo menos 12 mortos, incluindo uma criança pequena, além de dezenas de feridos.

Edição: Nádia Franco


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »