13/01/2020 às 12h00min - Atualizada em 13/01/2020 às 12h00min

​Homem é preso por descumprir medida protetiva em Canaã dos Carajás

O indivíduo foi surpreendido pelo oficial de justiça enquanto trabalhava

Beatriz Macieira - Jornal In Foco
Beatriz Macieira
Preso na última sexta-feira (10), Alcino Machado passou o final de semana na delegacia de Polícia Civil de Canaã dos Carajás. Na manhã desta segunda-feira (13) deve passar por audiência de custódia.

Perante a nova Lei de Abuso de Autoridade, a 13.869, que entrou em vigor desde a última sexta-feira (3) de janeiro de 2020, estabeleceu pontos polêmicos, com punição a delegados, promotores, procuradores e juízes que, entre outros pontos, constrangerem o preso com violência, ameaçá-lo ou divulgar seu nome e foto. Agora isso pode levar uma autoridade a ser punida com penas de 1 a 4 anos de detenção e de 6 meses a 2 anos, mais multa, respectivamente. A imprensa não teve mais detalhes sobre o caso, razão ou circunstância que tenha motivado o uso de medida protetiva contra Alcino Machado. 

Alcino Machado fica à disposição do poder judiciário, que poderá relaxar a prisão, conceder liberdade provisória ou converter a prisão em preventiva, permanecendo assim preso.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »