24/08/2017 às 11h46min - Atualizada em 24/08/2017 às 11h46min

“Quem nomeou a nova secretária não estava bem de saúde” diz Wilson Leite em sessão

O pedetista mostrou indignação em sua fala a respeito da nomeação de Neuvamaria Cristina para o cargo de secretária de assistência social. Wilson deixou claro que a sua luta é a favor dos trabalhadores locais

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
O vereador Wilson Leite (PDT) fez mais um de seus precisos e coerentes discursos durante a 24ª Sessão Ordinária do Legislativo em 2017. A polêmica envolvendo a Secretaria de Desenvolvimento Social de Canaã dos Carajás foi a principal pauta do discurso do legislador durante o Grande Expediente. De acordo com Wilson, a nomeação de uma funcionária vinda de outro município para este cargo é uma afronta ao trabalhador local: “Eu me senti mal. O povo desempregado e vem uma cidadã de Bragança ocupar a vaga que seria do nosso povo. Nós queremos é ver o pai de família empregado em Canaã dos Carajás!”
 
A princípio, Wilson Leite parabenizou a comunidade Nova Jerusalém pela recepção a todos durante a manhã do último sábado na inauguração da escola Luís Carlos Prestes, localizada naquela vila. Segundo o pedetista, os moradores da localidade foram proibidos de questionar a educação durante a cerimônia.
 


Logo após, Wilson também parabenizou o prefeito em exercício, Alexandre Pereira (PT), pela revogação da nomeação de Neuvamaria Cristina para o cargo mais alto da assistência social: “Muitas vezes a gente critica, mas, quando tem que elogiar, a gente elogia: Alexandre Pereira está de parabéns por revogar essa decisão. Quem nomeou essa secretária não estava bem de saúde” ironizou.
 
O pedetista aproveitou para reafirmar, em fala, o seu compromisso com o povo: “Estou eleito para defender Canaã dos Carajás e vale lembrar que o compromisso do gestor é com o povo que o elegeu. Nós estamos propondo uma parceria com o prefeito, mas estamos sendo completamente ignorados.” Ainda em tribuna lembrou da luta que vem travando pela implantação do polo moveleiro na cidade e disse ter procurado a Secretaria de Desenvolvimento Econômico buscando recursos para a aquisição de uma serraria: “Estivemos lá na Secretaria para buscar o acesso ao Fundo de Desenvolvimento, mas a burocracia é pior do que banco” relatou.
 
Ainda durante a sessão, Wilson Leite deixou um alerta para a cidade: “Hoje somos um município rico, com pessoas pobres. Amanhã, poderemos ser um município pobre, com o povo miserável.”
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »