03/02/2022 às 21h24min - Atualizada em 03/02/2022 às 21h24min

Paraense de 121 anos terá aposentadoria do INSS de volta

Teodora Alcantara teve o benefício suspenso pelo Governo Federal sem justificativa. Agora, o INSS deu prazo de 10 dias para retomar o pagamento do benefício para a idosa de 121 anos, mulher mais velha do mundo

dol
 

Gripe espanhola, duas guerras mundiais, a invenção do avião, a ida do homem à Lua. Acontecimentos históricos que para muitos são registros apenas dos livros de história, mas que ocorreram durante o tempo de vida de dona Teodora Alcantara, a parense de 121 anos e mulher mais velha do mundo. E se grandes feitos da humanidade rondam sua vida, hoje a idosa enfrenta um problema bastante mundando, mas nem por isso, menos sério: sua aposentadoria.

Natural de Cachoeira do Arari, no Marajó, Teodora teve o benefício que recebe do INSS suspenso pelo Governo Federal, sem justificativa. O drama da idosa foi denunciado pela RBATV, que mostrou a luta da família dela para conseguir resolver a questão, que finalmente poderá ter uma solução.

Após a exibição da reportagem, o INSS estabeleceu o prazo de 10 dias para que a aposentadoria de Teodora seja reestabelecida, além do pagamento retroativo dos meses em que o benefício não foi depositado.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »