27/09/2017 às 16h21min - Atualizada em 27/09/2017 às 16h21min

Atletas de Canaã vencem competições e ganham destaque no cenário esportivo nacional

A fábrica de campeões das artes marciais em Canaã mostra a sua força e arranca várias medalhas em torneios regionais

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Canaã dos Carajás é um verdadeiro celeiro de talentos do jiu-jitsu. A modalidade no município possui cada vez mais adeptos, entre crianças, jovens e adultos. Luan Castro é, inclusive, campeão mundial e uma das grandes estrelas do esporte local. A Fundação de Cultura Esporte e Lazer (FUNCEL) promove alguns grandes projetos em Canaã, entre eles o Núcleo de Iniciação Esportiva (NIES) que atende cerca de 300 alunos. A ideia é que o município produza cada vez mais campeões na modalidade e ganhe destaque em todo o país. Os desafios são muitos, mas essa turma está cada vez mais engajada na conquista de bons resultados.


 
Neste último final de semana (23 e 24), Canaã dos Carajás levou à Conceição do Araguaia uma comitiva composta por 13 atletas locais e liderada pelo professor Gleison Melo. A Copa Carajás reuniu cerca de 400 atletas de várias cidades do Pará, Tocantins, Maranhão, Goiás, Amazonas e do Distrito Federal. O torneio regional já é tradição naquele município e todos os atletas que representaram Canaã na disputa trouxeram medalhas de lá. A terra do minério passa a ser também a terra do esporte.
 
O professor Gleison falou sobre os bons resultados alcançados em Conceição: “Eu fico muito feliz com isso. É sinal de que estamos fazendo um bom trabalho. A turma está bastante dedicada nos treinos e isso é muito importante, pois, além de incentivar mais o professor, motiva ainda mais todos eles a conquistar resultados melhores.”


 
O diretor-presidente da FUNCEL, Jander Fonteles, falou sobre a conquista dos atletas e dos avanços do esporte no município: “Esses meninos dessa modalidade têm crescido bastante aqui em Canaã. A gente tem muitos campeões aqui, o que falta mesmo é divulgar, pois do mirim ao adulto temos vários atletas de qualidade. Há 15 dias, eles foram à um torneio em Marabá e Araguaína e também se saíram muito bem. Eu quero parabenizar todos eles, pois a turma é excelente. O professor Gleison também está de parabéns, a academia dele, a nível de Brasil, é excelente! O espaço é ótimo.”


Gleison, Jander e alunos
 
Sobre os planos para o futuro, Jander deixou claro que o objetivo é fazer muito mais pelo esporte municipal: “O professor Gleison, pelo seu bom trabalho, a partir do ano que vem estará em definitivo no projeto e ele vai poder contribuir ainda mais para o município. Para o ano, acredito que estaremos investindo mais no esporte, investindo de verdade e não enchendo linguiça como outros que passaram por aqui fizeram.”
 
Saindo do jiu-jitsu, Canaã também tem um atleta campeão de muay thai. Pedro Lucas, o Marreta, foi até Belém e não decepcionou. Lutando na categoria Peso-Pesado, acima de 93 quilos, o canaense enfrentou um atleta da casa na final. Com golpes certeiros, Marreta derrubou o belenense já no primeiro round da disputa: “Essa já é a minha segunda competição. Participei no ano passado do Norte e Nordeste, quando fiquei em segundo. Minha próxima competição é novamente essa, lá em São Luís. Eu tive o total apoio da FUNCEL na competição e também da academia Fisioforma e da Farmácia do Trabalhador Pague Menos” explicou Marreta.


 
Estivemos presentes na Academia Vilhena na noite desta terça-feira (12) e acompanhamos de perto a rotina pesada de treinamento dos atletas. Já se passava das 9 da noite e os exercícios e a busca pelo melhor golpe continuavam a acontecer entre os campeões. É cada vez mais evidente que a transpiração é a precursora do sucesso e os campeões de Canaã sabem bem disso. A luta continua e a certeza é que resultados ainda maiores ainda estão por vir.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »