27/02/2018 às 16h14min - Atualizada em 27/02/2018 às 16h14min

Morto em Castanhal homem apontado como suspeito de matar segurança

(Fonte: DOL)

Um homem identificado como Jonas Camelo de Sousa foi morto a tiros na noite desta segunda-feira (26) durante troca de tiros com policiais militares, em Castanhal, região nordeste do Pará. Ele foi apontado como um dos suspeitos de matar o vigilante Eduardo Barbosa Nascimento Junior, de 39 anos, durante um latrocínio horas antes.

De acordo com informações da Polícia Militar, Jonas estava em um carro com mais dois homens que tentaram fugir após a chegada de uma guarnição.

"A Ronda Ostensiva recebeu informações de que os elementos que haviam praticado o assalto à Casa Mineira, e seriam responsáveis pelo latrocínio ocorrido na área da Ceasa, estavam as proximidades da Praça do Imperial em um Gol de cor branco e que, ao se aproximarem do referido local, três elementos adentraram no veículo e empreenderam fuga pelas ruas do bairro São José", diz o registro policial.

Jonas foi atingido com tiros na parte superior do corpo, embora tenha sido levado para o hospital não resistiu (Imagems: Via/WhatsApp)

O relato segue informando que após alguns minutos de perseguição, um dos elementos efetuou disparos contra a guarnição, que solicitou apoio do Tático.

"Na Rua Projetada, o condutor do veículo em fuga perdeu o controle e bateu em um barranco, momento em que os três elementos abandonaram o veículo e fugiram efetuando disparos em direção a guarnição que revidou", seguiu.

Jonas foi baleado, socorrido e levado para a UPA 24h, mas não resistiu aos ferimentos.

Com ele foi encontrado um revólver com quatro munições deflagradas. Os outros homens que estavam no carro conseguiram fugir.

(Fonte: DOL)


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »