02/02/2018 às 13h50min - Atualizada em 02/02/2018 às 13h50min

Academia Jovem Concertante traz música clássica para Canaã dos Carajás

Projeto teve início em 2012 e visita o Pará pela primeira vez

- Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
Não se deixar levar pelas notas dramáticas, eufóricas e belas emitidas pela orquestra da Academia Jovem Concertante foi impossível na noite desta quinta-feira (01) em Canaã dos Carajás. O evento aconteceu no Ginásio Municipal Antônio Chorão e reuniu um excelente público para prestigiar uma apresentação musical bem diferente da realidade popular. A música erudita, rara na região, alcançou, de forma inevitável, o coração dos canaenses que compareceram ao ginásio. Várias autoridades municipais estiveram presentes, entre elas o prefeito Jeová Andrade e alguns de seus secretários de governo, como Jander Fonteles, André Wilson e Ana Cristina.
 
A etapa Pará de apresentações da academia teve início ainda esta semana no município de Parauapebas. Os jovens, escolhidos a dedo pela idealizadora do projeto Simone Leitão, são, em sua maioria, do próprio estado. A ideia de Simone, também renomada pianista em todo o planeta, é dar a oportunidade aos promissores músicos da região. A iniciativa tem dado bons frutos e despertado vários talentos por todo o Brasil. A cada novo lugar, uma nova orquestra e mais jovens têm a oportunidade de mostrar o seu trabalho e atuar em parceria com o também renomado maestro Daniel Guedes e com a própria Simone.


 
Um destes talentos descobertos no estado, é o músico Wesley Oliveira, de Belém do Pará. O jovem de 20 anos toca clarineta e acredita que o projeto é uma grande oportunidade: “Eu toco desde os 12 anos de idade. Acredito que é muito bom levar a música clássica para o povo conhecer, principalmente ao interior do Pará. Este é um projeto muito bom e que pode despertar o interesse de muitos jovens para a música. Acho que é também uma grande chance de evoluir como músico.”
 
O renomado maestro Daniel Guedes também concedeu entrevista: “O projeto está no seu sétimo ano e consiste em reunir jovens talentosos do país todos. Nós já fizemos várias etapas no Rio de Janeiro, Maranhão e agora chegamos ao Pará com muita satisfação. Procuramos sempre priorizar os jovens de cada região. Nessa etapa, por exemplo, temos 21 jovens paraenses e somente 8 de fora. A ideia surgiu no Rio de Janeiro e fui convidado pela Simone para fazer este trabalho tão bonito.”


 
Jeová Andrade falou sobre o acontecimento: “Esse é um projeto muito bom que está vindo para Canaã e também para vários municípios do Brasil. É um momento ímpar para todos nós receber essa música clássica. É uma cultura um pouco distante de Canaã, mas tenho certeza que todos vão aprovar o que será feito aqui esta noite.”


 
A pianista Simone Leitão só veio ao palco depois das primeiras peças serem executadas pela orquestra. Durante quase uma hora, a musicista tamborilou os dedos pelo instrumento com graça e uma velocidade impressionante. Depois de encantar a todos, Simone foi aplaudida de pé pelos presentes e falou: “Eu quero agradecer a presença de todos que estão aqui, em especial ao prefeito Jeová Andrade e aos secretários. Este projeto nasceu de vários corações e foi abraçado por vários órgãos e empresas. Esses jovens ficaram durante uma semana em imersão no município de Parauapebas, lá no Centro Cultural. Gostaria de agradecer a todos e é um grande prazer estar aqui em Canaã e no Pará. Essa é a primeira etapa que fazemos na região norte e é uma grande satisfação.”




 
O concerto teve duração de quase duas horas e foi aprovado por quem esteve presente. A Academia encerrará a etapa do Pará no próximo sábado (3) em Marabá. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »