Jornal In Foco Publicidade 1200x90
27/12/2017 às 20h05min - Atualizada em 27/12/2017 às 20h05min

Vereador Anderson Mendes: a missão de dar o peixe e ensinar a pescar

Em seu primeiro mandato como legislador, Anderson Mendes inovou na política canaense com uma boa base social e a ideia futurista de criar alternativas econômicas para a população

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita e arquivo pessoal
Anderson Mendes, vereador pelo PTB em Canaã, veio para fazer história na política municipal. Eleito em 2016 com 1157 votos, o empresário foi o sexto nome mais procurado nas urnas pelos eleitores de Canaã dos Carajás. Em um ano de evidente crise no governo, o legislador ganhou destaque pela maneira inovadora de se fazer política. Anderson apostou em projetos sociais para retribuir a confiança depositada na sua candidatura. A Kombi Solidária e o Projeto Pão e Leite facilitaram a vida de centenas de pessoas carentes no município. Paralelo a isso, Anderson é um dos principais incentivadores de uma economia sustentável em Canaã. O vereador foi, durante todo o ano, o parlamentar que mais falou sobre a necessidade que o município possui de ser independente da Vale. Para isso, Anderson encabeça o projeto de piscicultura em Canaã. A iniciativa servirá como medida alternativa para superar a falta de empregos e a consequente crise.
 
Morador de Canaã há 34 anos, Anderson Mendes é também presidente da Associação Comercial de Canaã dos Carajás (ACCIACA) há cinco anos. Já no seu terceiro mandato, o presidente é a grande aposta do empresariado local para vencer o tempo de vacas magras. Na sala da presidência da entidade, Anderson concedeu entrevista e falou sobre a decisão de ingressar na política: “De uma hora para outra, a sociedade, os comerciantes me convidaram para entrar na política. Entrei e as pessoas reconheceram o meu trabalho, tanto na associação quanto em toda a sociedade e fui eleito vereador. A escolha aconteceu pelo fato de tentar ver as coisas acontecerem e não ter alguém para poder te representar. Nós precisávamos de um vereador para representar a nossa classe. Diante disso, os comerciantes decidiram colocar o meu nome.”


 
De acordo com Anderson, legislar em tempos de crise não é fácil. Segundo o parlamentar, o aumento dos problemas sociais na cidade acaba sendo refletido no trabalho do legislador: “Muitos eleitores acham que o vereador, por ter sido eleito com seu voto, é quem deve resolver o problema do aluguel, da energia, do gás... Eu, enquanto membro do legislativo, não tenho verba para isso. Imagino que esses quatro anos serão muito mais difíceis do que foram os quatro anteriores.”
 
Anderson Mendes, que foi autor de algumas críticas ao governo no ano, acredita que o executivo tem trabalhado em algumas coisas, mas deixado a desejar em algumas situações: “A nossa saúde, em comparação ao ano passado, não está tendo um atendimento como a população gostaria que fosse. A receita do município caiu bastante e automaticamente o serviço prestado não tem como ser o mesmo. Mas acredito que em 2018, com o aumento da receita, as coisas voltarão a ser como eram antes.”
 
Questionado se a Câmara Municipal é melhor hoje do que em anos anteriores, Anderson foi enfático: “Quem sou eu para julgar? Acredito que os vereadores anteriores tiveram a sua parcela de contribuição para o município e a nova Câmara também está fazendo bem a sua parte, que é representar o município.”
 
Em seu ano de estreia como vereador, Anderson destacou alguns pontos da sua atuação: “Nós trabalhamos muito nessa parte social. Muitas vezes isso é criticado por muitos, pois isso não resolve o problema das pessoas. Eu concordo! O que resolve é realmente o emprego, mas sou conhecedor, como todos, que nesse momento Canaã não tem emprego e ninguém nem sabe quando vai ter. Já trabalho há mais de cinco anos com causas sociais levando médico nas vilas para atender as pessoas. Temos o Projeto Pão e Leite e a Kombi Solidária. Mais de 600 pessoas foram atendidas tiveram os seus problemas resolvidos com consultas, exames, cirurgias. Tenho trabalho muito há quatro anos a questão do desenvolvimento econômico, cobrando do poder público a criação do polo industrial e do polo universitário. Já como vereador, estive em Belém várias vezes reunido com o governador, na federação das associações do Pará, no CODEC, na Secretaria de Desenvolvimento do Estado e também com o prefeito várias vezes cobrando essas questões. Esse processo de universidades em Canaã já deveria ter sido feito há bastante tempo, mas é melhor antes do que nunca. Também na questão educacional, consegui, por meio de uma indicação, a doação de um terreno para a construção da Escola Adventista no município. Vários empregos serão gerados na construção e no funcionamento também. Vale lembrar que 20% das vagas serão destinadas à crianças carentes.”


 
Sobre o projeto de piscicultura, o vereador explicou: “O projeto já está pronto. A partir de janeiro, vamos trabalhar junto com a sociedade. Dentro dele, vai haver laboratório para poder produzir o alevino, fábrica de ração para poder baratear o custo da alimentação dos animais, a geleira para poder manusear o peixe, o caminhão perfuratriz para abrir poços artesianos para as pessoas que queiram implantar o projeto. O poço artesiano servirá para oxigenar a água dos seus tanques e por último, o centro de distribuição para poder pegar o peixe desses produtores e vender para fora. Temos dois grandes clientes potenciais na região: a Vale e a própria Prefeitura Municipal, para usar na merenda escolar. Além disso, há ainda o mercado local. Precisamos sair dessa dependência da mineração e criar alternativas aqui.”


 
Em clima natalino, o parlamentar aproveitou a ocasião para desejar boas festas a toda a população: “Eu quero desejar um feliz natal um ano novo cheio de paz e alegria. Que esse 2018 seja um ano bem melhor que 2017 e que possamos ter emprego para essa gente que passa fome aqui.”
 
Já com o gravador desligado, Anderson Mendes respondeu a uma dúvida pessoal do entrevistador: em que lugar pretendia chegar na política. Sem hesitação, o parlamentar falou: “Não sei falar aonde quero chegar, mas tenho um projeto que é maior que todos: honrar as pessoas que acreditaram em mim. Entrei na política através de pessoas que me colocaram aqui, nunca tive essa intenção, não é fácil ser político e hoje o que penso é honrar as 1157 pessoas que acreditaram em Anderson Mendes. O que vai ser do meu futuro? Bom, só Deus sabe e o povo, é claro.” Com um largo sorriso no rosto, o empresário-político encerrou a entrevista. Com total propriedade, o vereador exerce com maestria o mandato que lhe foi confiado. Anderson Mendes traz como principal virtude a capacidade de levar esperança ao seu povo em tempos tão difíceis. A árdua e inovadora missão que assumiu, de dar o peixe, mas também ensinar a pescar, chega a Canaã dos Carajás em dos períodos mais complexos da história do município. Apesar de não saber ao certo aonde quer chegar, Anderson deixou claro que a sua missão é o que há de mais fundamental para uma cidade melhor.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Jornal In Foco Publicidade 1200x90