22/05/2017 às 01h21min - Atualizada em 22/05/2017 às 01h21min

O sorriso de Karla Micaelly

A nova rainha foi a grande escolhida do júri em uma votação apertada

Kleysykennyson Carneiro - Jornal In Foco
Sonhos podem se tornar realidade e isso ficou muito claro quando Karla Micaelly subiu ao palco em toda a sua graça e imponência. A musa revelou a sua beleza ao público por 4 vezes, em 2 apresentações individuais e 2 em grupo, e a cada turno em que desfilava toda a sua exuberância, os presentes se apaixonavam ainda mais pela singularidade das suas curvas e pela nobreza do seu brilho pessoal. Não há maneiras de não se evocar o hino da Inglaterra e clamar, com a humildade de um mero mortal, para que Deus salve a Rainha.
 
Não havia uma alma sequer no 4º Baile da Rainha Expocanaã que não tenha se apaixonado pelos cabelos cacheados e a simpatia da nova soberana. Quando o nome da Rainha foi finalmente anunciado, o público vibrou e aplaudiu a escolha, a tensão dos instantes que antecederam a revelação deu lugar a um misto de alegria, gratidão, paixão e reverência à nova majestade da Expocanaã.
 
Karla Micaelly já parecia ser monarca desde outras vidas. Quando sua antecessora, Lidielle Santos lhe passou a faixa, em um momento de muita emoção, esta parecia ter sido feita para ela. As flores lhe caíram bem e os seus súditos a amaram desde o primeiro minuto em que surgiu no palco. A soberana nos concedeu gentilmente uma entrevista e disse, com a toda humildade própria de quem nasceu para reinar, que não esperava ser eleita a Rainha, já que a disputa era bastante acirrada. Ela contou também que mesmo que não fosse a escolhida do júri, teria ficado imensamente feliz só por ter chegado até ali.
 
A eleita falou sobre a árdua preparação para o espetáculo da noite, enalteceu o trabalho incrível da coreógrafa e contou sobre os ensaios diários e exaustivos para a dança coletiva com as outras candidatas. Perguntei à ela, por fim, se a ficha de que um grande sonho acabara de se tornar realidade já havia caído. A musa respondeu que apesar da faixa, das luzes, das fotos e dos presentes, ela ainda não acreditava no que estava acontecendo. Não perdi a oportunidade de dizer a ela que aquilo tudo era real e que ela merecia e muito a conquista.
 
Sua Graça, Karla Micaelly, tem a árdua tarefa de ser a embaixatriz da alegria em dias tão difíceis quando esses em que vivemos. É fato que não temos tido ultimamente tantos motivos para sorrir, mas a nova Rainha tem um sorriso capaz de levar a esperança e a alegria para almas que se esqueceram do quão maravilhosa é a vida. O reinado da jovem Rainha só está começando, mas já trouxe um encanto sem igual para as multidões que a seguirão nestes dias. Nossa soberana mostra a todos o valor de um sonho, a beleza de conquista-lo e que, para tanto, é preciso acreditar. E ela acreditou.
 
Vossa Majestade será, a partir de agora, a personificação da nossa esperança e a prova viva de que é possível vencer, mesmo em meio às barreiras impostas pela vida. Sempre há conquistas maiores, lugares maiores e reinos a se conquistar. Nossa Rainha, com letra maiúscula sim, nos trouxe, em toda a sua simplicidade e elegância sutil, a beleza dos antigos, pomposos e maravilhosos contos de fada. Era uma vez um final feliz para a Rainha Karla Micaelly. Todos nós só queremos viver um conto de fadas também. E não é tão fácil assim, mas essas histórias de rainhas e reinados mexem sempre com os nossos corações ansiosos para serem, também, felizes para sempre.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »