23/09/2021 às 08h58min - Atualizada em 23/09/2021 às 08h58min

Helder manda ampliar vagas de CNH Pai D'égua

Nesta terça-feira (21), primeiro dia de inscrições, o número de pessoas em busca do programa causou congestionamento no site.

Dol
 

Devido a grande procura, o Programa Social CNH Pai D’égua será ampliado para atender a um número maior de paraenses. A confirmação foi dada pelo governador do Pará.

Helder Barbalho usou suas redes sociais para comunicar à população que solicitou a ampliação do programa. O número de vagas disponíveis será publicado brevemente pelo Detran. As inscrições são feitas pelo site do órgão de trânsito.

Nesta terça-feira (21), primeiro dia de inscrições, o número de pessoas em busca do programa causou congestionamento no site. Em menos de 24 horas, cinco mil vagas foram preenchidas.

CNH Pai D’égua

Com o objetivo de formar, qualificar e habilitar jovens de baixa renda como condutores de veículos automotores, de forma gratuita, o Governo do Estado do Pará, por meio do Departamento de Trânsito do Estado (Detran), anunciou no último mês de junho a criação do Programa Social CNH Pai D'égua, voltado especialmente para a inclusão social e geração de emprego. E, nesta sexta-feira (17), será publicado no Diário Oficial o edital do programa, coordenado pelo Detran, que usará recursos próprios para a sua realização.

As inscrições começaram ontem e podem ser feitas exclusivamente pelo site do Detran, na opção "CNH Pai D'égua", até o dia 30 de setembro. A relação final dos selecionados também será divulgada pelo site do órgão, no dia 4 de outubro.

"Esse é um momento especial. Foram dois meses de planejamento, desde o lançamento do programa, e agora a população já poderá se inscrever para tirar a sua habilitação de forma gratuita. Com isso, o Detran amplia seu raio de ação. Além de proteger as pessoas no trânsito, dando educação, sinalização e fiscalização, o órgão passa a auxiliar nessa agenda social, onde muitos precisam da CNH para se inserir no mercado de trabalho e não têm condições financeiras", diz o diretor geral do Detran, Marcelo Guedes.S 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »