20/09/2021 às 10h50min - Atualizada em 20/09/2021 às 10h50min

Cuca valoriza campanha, mas rechaça favoritismo para o Atlético-MG nas competições

Galo lidera o Brasileirão e está nas semifinais da Libertadores da Copa do Brasil

Ge

Líder do Campeonato Brasileiro, com folga. Semifinalista da Libertadores e da Copa do Brasil. Tudo isso em um momento de invencibilidade, solidez defensiva e jogadores em grande fase. Favorito nas competições? Para o técnico Cuca, não.

O comandante atleticano vê um equilíbrio com os adversários. Respeito é palavra referência para o treinador às vésperas de duelos decisivos. Nesta terça-feira, o Galo encara o Palmeiras, em São Paulo, pela partida de ida das semifinais da Libertadores. Na Copa do Brasil, o rival é o Fortaleza. No Brasileirão, Palmeiras e Flamengo são os concorrentes mais fortes.

- Vamos competir agora com o Palmeiras. As chances que a gente tem são iguais às do Palmeiras. Nós vamos competir com o Fortaleza, e as chances que a gente tem são iguais às do Fortaleza. Não adianta. Os caras estão fazendo um baita trabalho.

 

“Não adianta dizer: ‘vocês são os favoritos para isso ou aquilo’. Você está competindo com o Flamengo, com o Palmeiras, com grandes equipes no Campeonato Brasileiro.”

 

Com Cuca, Atlético-MG vem de oito jogos como mandante sem sofrer gols — Foto: Pedro Souza

Com Cuca, Atlético-MG vem de oito jogos como mandante sem sofrer gols — Foto: Pedro Souza

Com Cuca, Atlético-MG vem de oito jogos como mandante sem sofrer gols — Foto: Pedro Souza

Cuca destaca que o desejo de ganhar conduz o Atlético na busca pelos títulos. Ele valoriza a campanha consistente da equipe até agora. No entanto, ressalta os perigos do futebol.

- Você tem a vontade de vencer. Ela é depositada jogo a jogo, e a gente tem que ir pondo isso até o final dos campeonatos. Lá você vê o que foi de melhor que conseguiu. Agora, as dificuldades vão aumentando. Hoje, a gente está feliz com todos esses números. O fracasso e o sucesso andam juntinhos. A gente tem que ter muito cuidado, porque se não tiver as conquistas, vão vir as críticas.

 

“Agora, tem que valorizar o que a gente está fazendo, e sempre tentar melhorar, porque daí a chance de sair vencedor só aumenta.”

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »