26/07/2021 às 15h10min - Atualizada em 26/07/2021 às 15h10min

PMs acusados de torturar e matar jovem serão interrogados

Quatro cabos da PM acusados de torturar jovem de 18 anos, em Xinguara, serão ouvidos nesta segunda-feira. Jovem permanece desaparecido.

Dol
 

Chegou a vez dos quatro policiais militares envolvidos no desaparecimento de Matheus Gabriel falarem diante da Justiça. Os cabos André Pinto da Silva, Dionatan João Neves Pantoja, Wagner Braga Almeida e Ismael Noia Vieira são acusado de sequestrar e torturar o jovem de 18 anos.

O crime aconteceu no dia 3 de fevereiro, no município de Xinguara, sudoeste paraense. Matheus Gabriel saiu de casa em sua motocicleta para jogar futebol com amigos no bairro Jardim Tropical e não voltou mais para casa.

+ Justiça autoriza prisão de militares acusados de torturar jovem

Após a partida, o jovem deu carona para um amigo até o centro da cidade e depois passou a ser seguido pela viatura onde estavam os cabos da PM. O veículo da Polícia Militar foi filmado por câmeras de monitoramento nas proximidades.

Em depoimento, o amigo de Mateus, que voltou de carona com ele para casa, confirmou que viu o rapaz sendo seguido de carro pelos policiais militares. Testemunhas afirmam que Mateus foi abordado pelos PMs por volta de 23h30, sendo espancado e colocado dentro da viatura em seguida. Ele ainda permanece desaparecido.

Os militares estão presos a pedido do Ministério Público Militar. Eles serão ouvidos pela Justiça Militar no interrogatório desta segunda-feira, 26.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »