08/01/2020 às 07h49min - Atualizada em 08/01/2020 às 07h49min

Corinthians fica com camisa 10 vaga e tenta não arranhar imagens de Jadson e Ralf em saída

Timão vê volante mais cobiçado no mercado do que o meia; dupla pode ir ao CT nesta quarta

- Jornal In Foco
Globo Esporte
Ralf e Jadson estão de saída do Corinthians — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag.Corinthians
Uma vez definido que Jadson e Ralf não permanecerão no Corinthians em 2020, a diretoria do clube tenta agora conduzir a saída da dupla da melhor forma possível, a fim de não arranhar a imagem que ambos construíram com a camisa alvinegra.
 
O fim da linha dos ídolos já traz consequências imediatas ao Corinthians, tais como:
 
A simbólica camisa 10 fica vaga;

Cássio se torna o único campeão mundial remanescente no elenco;

O grupo perde os dois mais experientes atletas (Jadson tem 36, Ralf, 35).

A diretoria alvinegra gostaria de definir a situação da dupla rapidamente, mas isso foge de seu controle. O clube aguarda que os representantes dos atletas encontrem interessados nas contratações deles.

O Corinthians entende que a situação de Ralf é mais simples. Mesmo veterano, ele disputou 52 partidas e esteve 4160 minutos em campo em 2019, um bom cartão de visitas para potenciais interessados. China e Oriente Médio são apontados como possíveis destinos para o volante.
 
Jadson, por sua vez, vem de uma temporada abaixo de sua média, em que passou a maior parte do tempo no banco de reservas. Ele disputou 1919 minutos, divididos em 39 jogos. Foram quatro assistências e só um gol marcado.

Ralf está de saída do Corinthians — Foto: Marcos Ribolli

Ralf está de saída do Corinthians — Foto: Marcos Ribolli


 
Como mostrou o GloboEsporte.com, Ralf tinha como ideia que o Corinthians fosse o seu último clube antes da aposentadoria. Ele ainda espera atuar por pelo menos mais três anos. Jadson também não tinha planos de sair. Em entrevista em outubro do ano passado, ele revelou problemas pessoais e disse ambicionar uma volta por cima em 2020.
 
A decisão de não contar com os veteranos foi tomada pelo técnico Tiago Nunes ainda no ano passado. Segundo a assessoria de imprensa do Corinthians, os jogadores já tinham sido avisados ao término do Brasileirão que, caso recebessem propostas, poderiam ser liberados gratuitamente.
 
Jadson conquistou três paulistas (2017, 2018 e 2019) e dois Brasileiros pelo Corinthians (2015 e 2017). Em duas passagens pelo clube, disputou 230 jogos e fez 50 gols.
 
Jadson pouco atuou pelo Corinthians na última temporada — Foto: Marcos Ribolli

Jadson pouco atuou pelo Corinthians na última temporada — Foto: Marcos Ribolli


 
Já Ralf, com 419 jogos e nove gols, é o 14º jogador com mais partidas na história do Corinthians. Ele é tricampeão paulista (2013, 2018/19), bi do Brasileiro (2011 e 2015), campeão da Recopa (2013), da Libertadores (2012) e do Mundial de Clubes (2012). Nunca foi expulso.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »