23/11/2018 às 18h53min - Atualizada em 23/11/2018 às 18h53min

Homem sacrifica cachorro e é assassinado pelo dono

(Caetano Silva) - Jornal In Foco
Carajás o Jornal
A Polícia Civil de Parauapebas está à procura do braçal Antônio José da Silva, acusado de matar com um tiro de espingarda calibre 28, o também braçal, Domingos Silva, de 48 anos de idade.

O crime aconteceu por volta das 17h30 de quinta-feira, 22, na fazenda Baracoa, localizada na vicinal Barra do Cedro, região da Palmares II, zona rural de Parauapebas,  distante cerca de 25 quilômetros do centro da cidade.



De acordo com um dos proprietários da fazenda no dia anterior ao crime, Domingos Silva havia matado a tiro o cachorro do acusado, Antônio José, que não gostando da atitude de seu companheiro de trabalho e de quarto, se armou de uma espingarda cartucheira calibre 28 e pela janela do quarto da casa do caseiro efetuou, pelas costas,  um único tiro que atingiu o lado direito de Domingos, na altura das costelas.



Ao que tudo indica, quando discutiam, a vítima teria dado às costas ao colega de quarto, provavelmente por não acreditar que Antônio José seria capaz de matá-lo. Após o crime, o homicida se evadiu do local, tomando rumo ignorado.

No local,  vizinhos disseram que o animal que Domingos matou estaria doente, e que por isso o mesmo o teria sacrificado causado desentendimento entre vítima e acusado.

Por volta das 20h30, investigadores da delegacia de homicídios,  acompanhados de uma equipe do IML se dirigiram ao local. Após o levantamento de praxe o corpo da vítima foi removido e conduzido ao Centro de Perícia Científica Renato Chaves de Parauapebas. Até o fechamento desta matéria o acusado ainda não havia sido localizado.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »