22/03/2018 às 08h39min - Atualizada em 22/03/2018 às 08h39min

Na luta contra o câncer, sociedade canaense se mobiliza em prol da construção do Hospital de Amor em Palmas

Filial do Hospital do Câncer de Barretos será construída em Palmas e atenderá por ano 25 mil habitantes de toda a região

- Jornal In Foco
O cidadão de Canaã dos Carajás poderá fazer o bem ajudando milhares de pessoas com câncer em todo o Brasil. Diversos representantes da sociedade civil organizada se reuniram na noite desta quarta-feira (21), no auditório da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, para o debate da questão. Na ocasião, algumas entidades foram representadas. Entre as principais, Lions Clube Internacional de Canaã, através do presidente Jurandir José, Câmara Municipal, através do presidente Junior Garra, OAB, pela presidente Josemira Gadelha, e Agência Canaã, através de Graça Reis. O Hospital de Amor, antes chamado Hospital do Câncer de Barretos, foi representado por Juca Carvalho, coordenador de captação de recursos da instituição filantrópica.
 
Existente desde 1962, o centro oncológico é referência na região e já atendeu milhões de pacientes em mais de 50 anos de história. Com o objetivo de facilitar e estender os atendimentos à população da região norte do país, uma unidade completa do Hospital de Amor será inaugurada em Palmas, no Tocantins. A instituição é a mais completa no combate ao câncer da América Latina e a nova filial chega para suprir uma demanda que cresce todos os anos na região.
 
Jurandir José falou sobre a reunião da noite: “Hoje toda a sociedade se reúne para a gente falar sobre a construção do Hospital do Câncer de Barretos, na cidade de Palmas, e também sobre o primeiro leilão que vai ocorrer aqui. Parte desses recursos vai para a manutenção do hospital em Barretos e outra parte vai para a construção da nova unidade que vai beneficiar toda a nossa região. Então, estamos mobilizando todos esses parceiros para que a gente possa recolher esses bens, móveis e gados para fazer esse leilão. Já temos essa parceria, já conseguimos encaminhar muita gente para lá e sem dúvida as portas vão se abrir ainda mais. Não só Canaã, mas todos os municípios dessa região estão mobilizados nessa causa.” De acordo com Jurandir, a ideia é que o leilão seja realizado no mês de agosto.


 
Juca Carvalho falou sobre a história de existência do Hospital de Amor. De acordo com ele, tudo surgiu de um sonho em se fazer o bem e a instituição cresceu com a ajuda de toda a sociedade: “Muita gente ajudou: empresários, familiares do atual presidente, amigos, fazendeiros... Muita gente. A ideia era que o hospital tivesse pouco mais de 30 mil metros quadrados. Hoje, nós temos um centro médico com mais de 100 mil metros quadrados, 500 médicos, 3 mil funcionários e 9 mil refeições diárias. Nós precisamos arrecadar cada vez mais, pois esses hospital não pode parar.”


 
A nova unidade terá 24 mil metros quadrados e deverá atender 25 mil pacientes todos os anos. De acordo com Juca, a previsão é que o hospital esteja em pleno funcionamento no prazo máximo de cinco anos.
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »