Jornal In Foco Publicidade 1200x90
15/11/2022 às 11h35min - Atualizada em 15/11/2022 às 11h35min

IGPREV aumenta concessão de benefícios

Giussepp lembra que o aumento da produtividade é resultado da política de investimento do Estado

dol
 

Em apenas 4 anos o Instituto de Gestão Previdenciária do Pará (Igeprev) aumentou em 84% o processo de análise e concessão de benefícios: entre 2019 e 2022, o Instituto deferiu 11.636 concessões de pensão, aposentadoria, reforma e reserva remunerada, 5.335 a mais do que o volume liberado de 2015 a 2018, quando concedeu 6.301 benefícios previdenciários.

Apenas este ano, os técnicos do Igeprev analisaram e concederam 3.746 benefícios, sendo 725 deferimentos acima do índice alcançado no ano anterior, que encerrou com 3.021 concessões. “Esse aumento da produtividade é resultado da política de investimentos para aquisição de equipamentos, sistemas de segurança e principalmente, capacitação e valorização dos servidores. Aumentamos o quadro funcional realizando processo seletivo em 2021, o maior já feito pelo Igeprev, com 120 vagas. Com isso, foi possível agilizar, racionalizar os procedimentos e as análises dos processos”, informa o presidente Giussepp Mendes.

Pará lança plano pioneiro de bioeconomia durante COP 27

Apesar da demanda por aposentadoria ser alta, o Igeprev está em dia com a análise de requerimentos de benefícios. O estoque de solicitações de pensão por morte, revisão de pensão e auxílio funeral vem caindo significativamente. Em agosto deste ano, eram 523 processos de pensão, 520 de revisão de pensão e 272 de auxílio funeral pendentes de análise conclusiva. Hoje são, respectivamente, 230, 250 e 34 processos aguardando análise.

Além disso, outros 138 processos de pensão por morte já foram analisados, mas ainda não foram concluídos por ausência de documentos obrigatórios. O Instituto já fez contato com os interessados por e-mail, carta e citação no Diário Oficial do Estado, além de divulgar nos jornais de grande circulação, e agora aguarda resposta. A autarquia publicou este ano 6 editais de citação, intimando 897 interessados com pendências documentais, não localizados por notificação postal e ou aqueles que ainda não haviam sido intimados sobre a conclusão de seus processos. Esses chamados também têm contribuído para redução do estoque de requerimentos.

Em 2021, período crítico da pandemia do novo coronavírus, o Instituto teve um aumento de 224%, em comparação ao ano anterior, nas solicitações de pensão por morte, quando foi necessário criar uma força tarefa, realocando servidores de outros setores para somarem esforços na análise dos requerimentos.

Casal vence o câncer e badala o sino da vitória

Entre as estratégias para expansão e descentralização dos serviços previdenciários, o Igeprev fortaleceu os canais de atendimento com os segurados. Além da Central, na sede do órgão, e das Estações Cidadania e Terminal Hidroviário, em Belém, aposentados e pensionistas têm outras nove opções para atendimento presencial, que são três unidades móveis e agências do Igeprev em Castanhal, Abaetetuba, Capanema, Altamira, Santarém e Marabá.

Estão disponíveis mais oito opções para contato por telefone ou via Internet, por WhatsApp, chat, requerimento virtual, sistema E-SIC, “Fale com o Presidente” e Ouvidoria.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Jornal In Foco Publicidade 1200x90