18/03/2018 às 13h47min - Atualizada em 18/03/2018 às 13h47min

Para fazer o bem, centenas de pessoas participam do jantar da APAE

Na ocasião, a sociedade apreciou a mistura de temperos e conheceu, em primeira mão, o projeto da sede própria da associação

- Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
Muita gente saiu de casa na noite desta sábado (17) com dois objetivos: fazer o bem e apreciar uma deliciosa mistura de temperos no jantar da APAE. O evento foi realizado no Espaço São Pedro e São Paulo. Boa música ao vivo, comida quente e bebida gelada fizeram a diversão de quem esteve presente. Alguns alunos atendidos pela instituição em Canaã também compareceram ao local para acompanhar de perto a diversão.
 
A Associação Pais e Amigos dos Excepcionais foi criada em 2015 no município para atender a uma demanda crescente de pessoas com deficiência. Três anos depois, a entidade traz na bagagem algumas conquistas, como o veículo próprio para o transporte dos alunos e o convênio firmado com a Prefeitura Municipal.


 
Ao todo, 50 crianças são atendidas pela unidade de Canaã dos Carajás, mas a demanda é bem maior. De acordo com a presidente Andréia Santos, mais de 300 pessoas com deficiência precisariam ser atendidas pela instituição: “Tivemos algumas conquistas, mas sabemos que ainda há muito que se fazer no município. Para isso, é necessário trabalho de toda a sociedade em prol dessa causa.”


 
A presidente também falou sobre o jantar: “Estou muito feliz em poder receber todo mundo aqui hoje. Além da comida, faremos a exposição do projeto da nossa sede própria e é algo que vai ficar marcado na nossa história. São três anos de luta e queremos fazer muito mais por essas pessoas.”
 
Fabio Queiroga compareceu ao jantar e aprovou a iniciativa: “Momentos como esse são grandes oportunidades para se contribuir com o próximo. É uma causa belíssima levantada pela APAE e acho que se faz necessário ainda mais apoio a essa instituição.”

 


Mãe de uma aluna especial, Deuseli Silva, diz que a vida da filha mudou completamente: “Minha filha está lá desde o começo e muita coisa mudou. A APAE é como se fosse a casa da gente. Desde que ela começou a ter os atendimentos, evoluiu bastante e isso é algo muito positivo. Fico muito feliz por essas nossas conquistas.”
 
O projeto da nova sede da APAE foi apresentado através de slides. O novo prédio poderá atender até 420 pessoas com deficiência. O local terá quadra poliesportiva coberta, piscina coberta, estacionamento, 11 salas de aula e uma área construída de 1500 metros quadrados. A construção da nova sede é a próxima meta da gestão da entidade.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »