07/03/2018 às 10h44min - Atualizada em 07/03/2018 às 10h44min

Novos secretários, críticas ao executivo, retorno da greve, governo sem líder e indicações aprovadas. Saiba como foi a 5ª Sessão Ordinária do legislativo

Na primeira sessão realizada em março, vereadores criticam decisões do governo Alexandre e fazem importantes indicações ao poder executivo. Coordenadora do Sintepp também falou sobre a possibilidade do retorno da greve geral

- Jornal In Foco
Fotos: Ricardo Mesquita
Os trabalhos do legislativo em Canaã dos Carajás começaram quentes no mês de março. A 5ª Sessão Ordinária do ano foi realizada nesta terça-feira (6) e todos os vereadores, à exceção de Baiano do Hospital (PHS), por motivos de saúde, estiveram presentes. Na data, os parlamentares receberam a visita do prefeito interino Alexandre Pereira e vários secretários de seu governo. Na ocasião, o chefe do executivo fez a apresentação do nome dos novos gestores do governo que substituirão os secretários exonerados.
 
Nenhum dos parlamentares que fez o uso da palavra durante a sessão criticou os nomes escolhidos pelo prefeito. As críticas foram voltadas mesmo para a decisão de exonerar os cinco secretários envolvidos no processo de improbidade administrativa. Logo após a fala do prefeito, os legisladores usaram a tribuna e criticaram o afastamento dos gestores.
 
O primeiro a falar foi o presidente Junior Garra (PR). De acordo com o vereador, todos os secretários são inocentes até que se prove o contrário: “Canaã vive um momento muito ruim e de prejuízos, já que o gestor precisou parar por uma semana para pensar no seu governo. A lei é bem clara, prefeito! Até que o processo se conclua, e se prove o contrário, os secretários são inocentes. Nem mesmo o juiz pediu o afastamento deles. O senhor julgou e condenou os secretários, mas são pais e mães de família que estão agora com os bens retidos. O senhor está sendo justo com os secretários? Eu acho que é uma grande injustiça. A maioria deles quando chegou na Secretaria o contrato já existia.”


 
A vereadora Maria Pereira (PDT) também criticou as decisões e mostrou solidariedade aos secretários: “Eu acho que isso fui uma verdadeira injustiça. Eu fui secretária no governo de vocês e teria feito mais se não estivesse tão engessada. Também critico o fato de três mulheres terem sido exoneradas e apenas uma ter sido contratada. Quero pedir, prefeito, que o senhor não abandone os secretários exonerados.”


 
Governo sem líder na Câmara
 
Escolhido por Jeová Andrade no início do ano para defender os interesses do governo na Câmara Municipal, o vereador Wilson Leite (PDT) entregou o cargo de líder também durante a sessão: “Eu tive uma conversa com o Jeová no início do ano e me propus a ajudar a tomar algumas medidas, mas agora deixo o prefeito Alexandre à vontade para escolher um novo nome para me substituir.” Sobre as decisões de Alexandre no seu time de governo, o pedetista também falou: “Eu acho que muitos foram exonerados até sem culpa. Talvez as suas escolhas estejam certas, mas talvez a culpa nem seja dos secretários. Gostaria de pedir que os novos gestores ajudem o governo.” Wilson sugeriu que o prefeito faça um protocolo de emergência e contrate 200 homens para limpar a cidade rapidamente. O vereador também pediu que Daiane Oliveira, nova secretária de saúde, faça uma auditoria na pasta que assumiu.


 
Retorno da greve geral
 
A coordenadora do Sintepp em Canaã, Lucinete, também teve alguns minutos em tribuna. Lucinete parabenizou a atuação e as decisões do prefeito Alexandre. Na sequência, a líder sindical falou sobre a greve: “Fomos notificados na sexta-feira sobre uma liminar do Tribunal de Justiça. Decidimos suspender a greve temporariamente. Se até o dia da assembleia, que ficou marcada para o dia 19, não houver uma proposta plausível por parte do governo a greve, se assim os servidores decidirem, voltará a acontecer.”


 
Indicações aprovadas
 
Os vereadores presentes aprovaram por unanimidade as indicações abaixo:
 
  • Indicação 01/2018 – Anderson Mendes pede a construção de um parque de vaquejadas no município

 
  • Indicação 09/2018 – João Nunes pede a criação da Guarda Civil de Canaã
 
  • Indicação 027/2018 – Walter Diniz pede a disponibilização, através da secretaria competente, o aluguel de um imóvel para o apoio à Vigilância Sanitária
 

A próxima sessão está marcada para o dia 13 de março, terça-feira, às 18:00, na Câmara Municipal de Canaã dos Carajás.
 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »