22/01/2018 às 13h52min - Atualizada em 22/01/2018 às 13h52min

Destino de delegado Bruno e investigadores é decidido hoje em Canaã

Julgamento teve início em dezembro e teve reinício na manhã desta segunda-feira em Canaã

- Jornal In Foco
 
O delegado Bruno Fernandes e os investigadores Cláudio Nascimento e Sérgio Lago entraram algemados no auditório do Fórum de Canaã dos Carajás na manhã desta segunda-feira (22). Sob forte vigilância policial, os três viram de perto as testemunhas de defesa do caso passarem pela sabatinada de perguntas e respostas da promotoria e dos advogados dos réus. O julgamento teve início no último dia 06 de dezembro e foi adiado pelo tempo excedente e também pela ausência de algumas testemunhas.
 
Já nessa manhã, todas as testemunhas de defesa foram ouvidas. Entre elas, alguns delegados de Polícia Civil que prestaram serviços em Canaã. Todos eles afirmaram não ter conhecimento algum sobre as acusações que pesam sob os réus. O primeiro a falar foi ouvido por quase uma hora e respondeu de maneira objetiva todas as perguntas feitas pela defesa e acusação.
 
Além dos delegados, alguns funcionários da delegacia também passaram pela sabatina. Uma das testemunhas confirmou ter recebido de Cláudio uma oferta para a compra de uma motocicleta. No entanto, o veículo não tinha nada a ver com o processo em questão e seria utilizado apenas em negócios particulares do investigador.
 
No fim da manhã, o delegado Thiago Vinicius de Melo Quedas determinou o horário de almoço e decidiu que o julgamento continuaria a partir de 13:30. Pela tarde, Bruno e os investigadores devem prestar depoimento pela primeira vez e falar sobre o processo que estão enfrentando. No final do dia, a sentença dos réus deve ser definida pelo juiz.
 
Bruno, Sérgio e Cláudio foram presos no final de agosto em uma operação do GAECO. Os três foram conduzidos para Belém e estão presos até hoje. No final da última audiência, o investigador Cláudio foi às lágrimas e parecia inconformado com a situação.
 
A qualquer momento o Jornal In Foco trará novas informações sobre o caso. Fique atento.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »